«

»

jun 20

Gamer Nostálgico: 25 Anos de Sonic the Hedgehog! (Primeira Parte)

s1-stages-endingimg6

Dia 23 de junho de 2016 estaremos comemorando os 25 anos da franquia de games Sonic the Hedgehog. Como sou um grande fã desta série estarei dedicando esta semana a postar sobre minhas experiências com os jogos da série, como os conheci e a grande importância dos mesmos na minha vida.

Como conheci o Sonic

Eu não lembro exatamente de como ou quando eu ouvi falar do Sonic pela primeira vez, mas certamente não foi quando eu joguei um jogo do mesmo. Creio ter conhecido ele através da extinta TV Colosso, um programa infantil do começo dos anos 90 que passava na rede Globo. Acredito que muita gente lembra deste programa. Se não me engano, passava um desenho do Sonic nesse programa, “As Aventuras do Sonic the Hedgehog”, e foi a partir deste desenho que eu conheci o personagem. Eu ainda não tinha ideia de que se tratava de um personagem de videogame.

Momento mais feliz

Eu já gostava de jogos nessa época e sempre pedia aos meus pais para ganhar um videogame. Como éramos pobres não havia como meus pais me darem um, pois eles eram caros (e ainda são até hoje). Até que no Natal de 1998, eu recebi a maior e melhor surpresa da minha vida! Meu pai comprou com a ajuda do meu tio um Mega Drive e me deram ele de surpresa! Foi o dia mais feliz da minha infância. Ainda lembro como nos reunimos de manhã cedo no dia seguinte na sala de casa. Meu pai conectou o Mega (havia todo um processo de conexão, quem teve esses consoles sabe) na TV, nós ligamos e então estreamos o console.

Ele veio com o 6-Pak, um cartucho coletânea com seis jogos no mesmo e é óbvio que Sonic the Hedgehog era um dos jogos. Meu pai jogou primeiro. O primeiro jogo que testamos foi o Streets of Rage. Eventualmente, nós colocamos o Sonic para jogar. Ainda me lembro de ficar surpreso quando a logo da Sega aparecia e gritava “SEEEEGAAAAA”! Nenhum dos outros jogos tinha isso. É óbvio que eu não durei muito tempo na primeira vez que joguei. Acho que não passei nem do primeiro ato da Green Hill Zone.

sonic_1_1991.jpg

Gotta Go Fast!

O jogo me cativou imediatamente. Toda aquela velocidade e ação eram muito empolgantes. Eu jogava sempre que podia e ficava super feliz cada vez que conseguia progredir mais no jogo. O jogo tinha controles bem simples, mas era bastante desafiador. Eventualmente, eu consegui terminá-lo. Eu lembro até hoje de como estava super nervoso após terminar o jogo. Estava tremendo de empolgação e com as mãos geladas!

A partir daí, eu me tornei fã do Sonic e sigo a franquia até hoje. Quando eu era criança, eu ficava feliz sempre que via algum produto do Sonic a venda. Eu lembro até de ter implorado aos meus pais para comprar um par de sandálias do Sonic que eu vi em uma loja qualquer no meio da rua. As sandálias nem davam no meu pé, mas eu insisti tanto que eles acabaram comprando! Aliás, eu tenho um pedaço da caixa dessas sandálias até hoje. Ou melhor, eu tinha… Guardei aquilo por mais de 20 anos e agora que poderia dar um uso ao mesmo ao tirar uma foto pra essa postagem não consigo mais encontrar o negócio. Droga…

Sempre disponível

De qualquer jeito, eu tenho um grande carinho por esse jogo. Joguei ele por sabe-se lá quantas horas da minha vida e ainda jogo o mesmo até hoje, pois tenho ele no celular. Abençoada seja a tecnologia!

Na próxima postagem que deve sair amanhã mesmo irei falar sobre o Sonic the Hedgehog 2 e a grande cagada que fiz com o meu cartucho dele.

E você? Qual a sua experiência com o primeiro jogo do Sonic? Deixe a sua história e opinião aí embaixo nos comentários! Inscreva-se para receber nossos posts por email!

Compartilhe isto:
%d blogueiros gostam disto: